fbpx
31 de agosto de 2019
GUIA BROTASGUIA BROTAS

Exposição Campana: Fernando + Humberto

O Estudio Campana comemora seus 35 anos de história com a exposição “Campana: Fernando + Humberto”, inaugurada dia 29 de agosto no Centro Cultural de Brotas, SP, cidade onde os irmãos nasceram e cresceram. A exposição é fruto de uma parceria com a Diretoria de Cultura de Brotas, e conta também com um projeto educacional desenvolvido especialmente para as escolas estaduais, municipais e particulares, através do Instituto Campana e Diretoria Cultura com apoio da Secretaria de Educação.

Campana: Fernando + Humberto

A exposição conta com cinco peças emblemáticas da trajetória dos irmãos: as poltronas Favela (1991), Vermelha (1999), e as cadeiras Célia (2002) Corallo (2004) e Jenette (2005). Cada uma delas representa um marco na história do Estudio Campana, que este ano completa 35 anos.

A Favela é uma peça onde experimentou-se com formas de criar mobiliário com soluções e materiais simples, de maneira espontânea onde os gestos não se repetem, criando peças únicas.

A Vermelha foi a primeira que projetou o trabalho dos irmãos no exterior, pois trouxe um método de construção inovador de “estofamento” com um trançado de cordas, simbolizou a transição da produção de peças únicas para produção em maior escala, através da Edra, na Itália.

A Celia é uma homenagem à mãe de Fernando e Humberto.  A cadeira é feita de OSB, Oriented Strand Board, ou seja, uma placa composta por tiras de madeira dispostas na mesma direção. As pequenas tiras de madeira são unidas com resinas e prensadas sob alta temperatura, o que confere resistência mecânica, rigidez e estabilidade ao produto.

A Corallo, por seu conceito “não-matéria” de design abstrato, etéreo, integra-se ao ambiente de várias formas dependendo do ângulo em que a vemos de maneira quase lúdica, brincando entre o bidimensional de um rabisco com o tridimensional de um objeto.

A Jenette, feita de PVC e poliuretano rígido, também produzida pela Edra, é outro exemplo de design inspirado no cotidiano brasileiro, lembrando objetos domésticos como a vassoura, e que nesta peça funciona como encosto de cadeira.

A cenografia da exposição, assinada pelo Estudio, reúne essas cinco peças de maneira lúdica, com cortinas de cordas e sinos pendentes em uma estrutura de aço, criando um ambiente que convida a explorar formas, materiais e a questionar a estética e funcionalidade dos objetos.

A exposição ficará aberta ao público até 29 de Agosto de 2020.

Projeto Educacional

A exposição contará com o apoio do Instituto Campana, que desenvolverá um projeto educacional junto às escolas municipais, estaduais e particulares de Brotas. Ao longo do ano da exposição, os alunos do 9o ano da rede municipal da cidade participarão de oficinas onde serão abordados os temas como história do design, técnicas artesanais tradicionais brasileiras e processos criativos a partir do trabalho de Fernando e Humberto Campana.

Os professores da rede serão treinados a ministrar as oficinas utilizando um manual de atividades criado especialmente para o projeto, reunindo material didático desenvolvido pelo instituto ao longo dos seus dez anos de trabalho.

Ao final do processo, cada escola participante completará um projeto de mobiliário (cadeira) que fará parte de uma seleção final onde a turma vencedora ganhará uma visita guiada ao Estudio Campana em São Paulo e a alguns locais com peças permanentes dos irmãos.

Serviço

Prestigie a Exposição no Centro Cultural de Brotas:
Av. Mario Pinoti, 584 - Centro, Brotas - SP, 17380-000

Segunda a Sexta - 9h00 – 17h00
Sábado – 10h00 – 16h00 (a partir de setembro)

Telefone: (14) 3653-1122

*Créditos imagens: Eduardo Esteves, Fábio Marques.

destaques-brotas-veja-mais

LEIA TAMBÉM EM NOSSO PORTAL